Logotipo Meu Financiamento Solar
Dicas  ➝  Energia solar residencial vale à pena?

Energia solar residencial vale mesmo a pena?

Existem vários motivos que comprovam que investir em energia solar residencial é algo que vale muito a pena, seja por motivos econômicos, seja para preservar o meio ambiente.

Siga o texto para entender melhor as vantagens de se investir em energia fotovoltaica para sua residência.

energia-solar-residencial

Quais são as razões para investir em energia solar residencial?

Atualmente, passamos pela pior crise hídrica no país dos últimos 91 anos, os reservatórios de água que alimentam as hidrelétricas estão operando em níveis muito baixos devido à escassez de chuvas, podendo haver racionamentos e medidas que oneram os consumidores, como as bandeiras tarifárias aumentando de valor para suprir o custo com as termoelétricas.

Diante desse cenário, manter seu próprio sistema fotovoltaico na sua residência é uma decisão muito inteligente. A principal vantagem é a economia na conta de luz, uma vez que você passa a gerar sua própria energia a partir da luz do sol e não fica mais refém dos preços da distribuidora e seus constantes aumentos.

Existe também a questão ambiental, pois a energia solar é uma fonte de energia limpa, renovável e que não emite quaisquer gases poluentes na atmosfera ou utiliza matérias-primas limitadas.

Aspectos financeiros

Além da economia na conta de luz, o retorno financeiro do investimento em energia solar é algo que compensa muito.

Com um sistema fotovoltaico, você não fica refém dos preços da energia da sua distribuidora, valoriza seu imóvel e paga pouco em manutenção. Veja mais detalhes a seguir.

Economia na conta de luz

A economia na conta de luz é sempre a primeira vantagem que vem à mente quando se pensa em investir em um sistema solar residencial. E não é para menos, usar um sistema fotovoltaico pode diminuir em até 95% sua conta de energia elétrica, restando apenas uma taxa mínima, ou taxa de disponibilidade, que é a cobrança mínima efetuada pelas distribuidoras para todos os consumidores conectados à sua rede.

Existem também sistemas off grid, ou seja, desconectados da rede. Eles operam por meio de baterias, o que garante o uso de energia à noite, sem a necessidade de conexão com a rede elétrica.

Porém os sistemas de energia solar residencial off grid não valem a pena em áreas urbanas com acesso à rede, visto que seus custos de aquisição e manutenção são bem mais altos por conta das baterias, que ainda são muito caras e duram menos que o painel fotovoltaico.

Para os sistemas ligados à distribuidora de energia (on grid), a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) criou uma legislação em que é possível gerar créditos energéticos. Toda energia gerada pelo sistema durante o dia e não consumida vai para a rede como empréstimo e é transformada em créditos energéticos. Eles podem ser utilizados para abater o consumo noturno, quando não tem sol, ou ainda podem ser destinados para abater a conta de energia elétrica de outras unidades com a mesma titularidade.

Retorno do investimento

O retorno do investimento (ROI) no sistema de energia solar se dá por meio da economia na conta de luz, a qual irá variar de acordo com a tarifa de energia da distribuidora local. Sem contar a inflação energética, que deixa de ser uma preocupação para quem mantém um sistema autossustentável de energia solar residencial.

Em média, um sistema fotovoltaico residencial no Brasil leva entre 3 e 7 anos para recuperar seu investimento. Quanto maior for a tarifa de energia elétrica, menor será o tempo de retorno do investimento (ou payback).

Pouca manutenção

Não é necessária uma manutenção frequente e custosa para sistemas solares residenciais.

Os módulos possuem uma película antiaderente que evita o acúmulo de sujeira, e a poeira acumulada acaba sendo dispensada pela própria chuva.

A limpeza um pouco mais pesada, como de excremento de pássaros ou poluição, é realizada pela equipe técnica especializada durante as manutenções periódicas do sistema.

Nessas visitas, que são feitas no máximo duas vezes por ano, os técnicos também realizam a manutenção elétrica da instalação para garantir a otimização do sistema.

Durabilidade

Os módulos solares duram no mínimo 25 anos se forem instalados corretamente.

A perda de eficiência das células é mínima durante esse prazo, sendo que as melhores fabricantes garantem 80% da eficiência original ao final dos 25 anos.

Além dos módulos, o inversor, que é outro componente necessário ao sistema, possui durabilidade de no mínimo 15 anos, podendo prolongar se o aparelho receber as manutenções necessárias.

Rápida instalação

A instalação é extremamente rápida. O prazo médio das instalações de energia fotovoltaica residencial é de 2 a 3 dias.

energia-fotovoltaica-residencial

Blindagem da inflação energética

Com um sistema fotovoltaico instalado, a inflação energética deixa de ser um problema, já que o sistema é autossustentável e depende apenas da luz do sol.

Como já mencionado, a Aneel criou o sistema de créditos energéticos que permite abater o consumo da rede elétrica em kWh (kilowatt-hora).

Cada vez que o preço da energia aumenta, os créditos se valorizam, visto que eles são gerados em kWh, e não em reais (R$).

Essa é uma grande vantagem para quem instala painel solar no Brasil, onde o preço da energia sobe mais que a inflação oficial (IPCA) devido aos encargos tributários e períodos de seca cada vez mais frequentes, que oneram a conta de luz.

Energia solar mais acessível

Com o grande número de consumidores aderindo aos sistemas solares em suas residências, essa tecnologia, que antes parecia um sonho distante, está se tornando cada vez mais acessível.

Hoje em dia, existem diversas linhas de financiamento para energia solar oferecidas por bancos para a compra e instalação dos sistemas fotovoltaicos. Algumas vezes, é possível escolher um financiamento no qual as parcelas fiquem no mesmo valor da economia obtida na conta de luz, fazendo com que o sistema seja quitado sem gastos adicionais.

Valorização do imóvel

Instalar um sistema de energia fotovoltaica na sua residência também colabora para a valorização do seu imóvel. É possível que um imóvel se valorize em até 8% com um sistema solar instalado, além disso, residências que contam com sistemas fotovoltaicos são vendidas mais rapidamente.

Aspecto ambiental

As instalações de energia solar residencial não apresentam impacto ambiental algum, o que é algo muito vantajoso, visto que o meio ambiente está pedindo socorro cada vez mais alto e os recursos naturais estão se tornando cada vez mais escassos.

Energia sem poluição

A energia solar é a forma de se obter energia elétrica que menos polui. Durante a sua longa vida útil, um módulo solar compensa toda a energia gasta na sua fabricação com uma energia limpa, além de já contar com técnicas de reciclagem que permitem reutilizar mais de 90% dos seus materiais.

Comparada com outras formas de geração de energia – como o carvão usado nas termelétricas, que emitem gases poluentes, como dióxido sulfúrico, dióxido de carbono e cinzas, para a atmosfera com a queima do carvão, e as hidrelétricas, que causam problemas de desmatamento e prejuízos à fauna na região dos rios – pode-se se dizer que a energia fotovoltaica é a mais limpa e sustentável para o meio ambiente.

Melhoria no conforto térmico

Os painéis solares diminuem a incidência de calor no interior das casas. Isso porque os módulos geralmente são montados nos telhados da casa, captando e absorvendo a maior parte da luz solar direta que aqueceria as telhas.

Com a temperatura da residência mais amena, não é tão necessário o uso de ar-condicionado, ventiladores ou outros aparelhos que consomem muita energia.

As telhas deixando de queimar com o calor solar no seu exterior, também colaboram para o meio ambiente ao diminuir as ondas de temperatura próprias do cenário urbano, que, em conjunto com a falta de vegetação e de uma boa pavimentação do solo, criam ilhas de calor que modificam as características físicas do ar, podendo intensificar tempestades e colaborar para a dispersão de poluentes.

Com relação ao imóvel, o que devo levar em consideração antes de investir em energia solar fotovoltaica?

Deve-se avaliar se o local onde a sua residência está localizada recebe uma boa incidência solar. Os módulos solares necessitam que sua casa receba ao menos quatro horas de sol por dia.

Uma residência localizada em uma área com muitos prédios ou construções que ultrapassem a altura da casa precisa ser previamente analisada para a ocorrência de sombreamentos que podem inviabilizar a instalação do painel.

Uma boa empresa especializada em energia solar faz toda a avaliação para você. A consultoria torna-se essencial pois a empresa irá avaliar o imóvel e a viabilidade do investimento.

Como escolher a empresa

Para começar, é importante pesquisar sobre as empresas disponíveis. Analisar a credibilidade da empresa que potencialmente vai mudar a forma como sua residência vai utilizar energia elétrica é muito importante. Checar elogios e reclamações na internet e o histórico da empresa antes de redefinir sua busca é o primeiro passo.

Saber se os profissionais que irão fazer a instalação são devidamente capacitados e experientes é uma dica, opte por empresas com algum tempo de mercado e profissionais treinados.

Também é importante descobrir se a empresa oferece garantia na instalação. Erros são possíveis em qualquer trabalho, painéis podem ser colocados de forma incorreta ou a fiação pode apresentar alguma avaria. Procurar uma empresa que ofereça garantia na instalação pode assegurar que os reparos serão feitos sem custo.

Conhecer os equipamentos utilizados também é útil quando se vai instalar energia solar residencial. A marca do inversor de frequência deve apresentar uma boa qualidade, afinal, ele que irá converter a energia solar em energia própria para alimentar seus equipamentos e sua residência.

Como em qualquer investimento, não podemos ignorar o pós-venda. Cuidado com empresas que fazem o serviço e “somem” quando manutenções são necessárias, cheque o suporte que a empresa oferece e a qualidade do atendimento.

O Meu Financiamento Solar oferece financiamento de até 100% do projeto, com prazo de até 84 meses (7 anos) para pagar, podendo começar o pagamento em até 120 dias. Entre em contato!